domingo, 9 de janeiro de 2011

Just gonna stand there and watch me burn
That's alright, because I like the way it hurts
Just gonna stand there and hear me cry
That's alright, because I love the way you lie
I love the way you lie

Culpada.  Vi P.S. I love you e chorei loucamente durante todo o filme; até dor de cabeça de segurar o choro deu. É impossível, romântico e totalmente trágico; como eu idealizaria as coisas no fundo. A tragédia me fascina e isso é bastante mórbido. Tenho curiosidade de saber de crimes e coisas relacionadas -sinto medo depois. Mas gosto, e aí é que tá. O lugar de mártir também me interessa, fico curiosa em me sentir um. Apesar de ser infantil e me lembrar muito os tempos de pré-adolescência, o mórbido não se afasta de mim - a ironia , que, pra mim, se liga a isso, é marca registrada já. 
É bem confusa essa parte de mim, eu não compreendo.

3 comentários:

Fab disse...

fascinanting.

Nanda Oliveira disse...

P.S te amo é lindo demais. não tem como não chorar. rs
eu li um livro policial, e eu amei. Beijo, é o nome do livro. recomendo.

bj.

Tg disse...

seu blog é incrivel, sem contar o quanto me sinto confortável enquanto estou nele, bem sobre o P.S... o filme é de dar nó na garganta mesmo, sempre que vejo filmes assim me da vontade de ser o "coitadinho" em questão.. bizarro né?