sábado, 21 de março de 2009

Vampiros;

1 - Vampiro: s.m No folclore eslavônico medirional, o espírito de uma pessoa morta, ou um corpo revivido por um espírito mau. Os vampiros saem de túmulos à noite para sugar o sangue humano. Na literatura dos séculos XIX e XX - em E.T.A Hoffman e Gogol por exemplo - os vampiros assumiram um caráter cada vez mais demoníaco: basta lembrar a figura cinematográfica de Drácula. No dicionário filosófico de Voltaire vampiros são corpos que saem das suas campas de noite para sugar o sangue dos vivos, nos seus pescoços ou estômagos, regressando depois aos seus cemitérios. (Fig.) Aquele que enriquece a custa alheia e/ou por meios ilícitos. (Fig.) Aquele que explora os pobres em beneficio próprio. Bras. Designação de morcego hematofago, demondontídeo, especialmente Desmodus rotundus, de colocarção castanho-parda, transmissor de raiva aos animais bovinos que ocasionalmente suga homens, retirand pequena quantidade de sangue.

3 comentários:

Blu disse...

Medo! Muito medo :|

July disse...

Uie! Eu sei mexer no photoshop! E ficou legal! gsbjghsd

Jade disse...

ah, vampiros são tudo... amoamoamo